A Voz da Arquibancada

Página 17 de 32 Anterior  1 ... 10 ... 16, 17, 18 ... 24 ... 32  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Dom 10 Ago - 19:27

Relembrando a primeira mensagem :

A comissão técnica do América se preocupa tanto com a forma do adversário jogar que se esqueceu de criar o próprio padrão de jogo. Insiste na tentativa de usar o 4-2-3-1, sem considerar o perfil da equipe. Prioriza os treinos de bola parada em vez de qualificar a troca de passes. Os defeitos foram repetidos e ampliados na derrota para o Icasa: Tchô ficou isolado no centro; Pablo, Gilson e Willians mais preocupados em defender do que atacar; André, Vitor Hugo e Guerreiro rifaram os lançamentos; Andrei nem marcou nem avançou; Obina só teve uma oportunidade para finalizar; Ricardinho, com muitos erros de passes e finalizações, continuou improdutivo. Se fosse prata da casa não teria as mesmas chances. Aliás, Núbio Flávio, outro campeão brasileiro sub-20 mal aproveitado no profissional, em poucos minutos produziu mais que Ricardinho.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Sab 5 Dez - 20:51

O Coelhãozinho sub-13 foi campeão invicto do Mineiro Imef. Na final, derrotou o Cruzeiro por 1 a 0, com gol de Guilherme. Felipe Alves foi o melhor goleiro da competição; Douglas Rayner, o destaque; e Roberto Afonseca, o melhor treinador. Nas categorias de base, até nas conquistas de títulos, é bom destacar que o principal objetivo deve ser o aprimoramento do atleta em formação. Ainda assim, a colocação final precisa, no mínimo, ser próxima do primeiro colocado. Apesar da entressafra devido à transição dos jogadores, a campanha do sub-17 ficou abaixo do desejado. O juvenil terminou o hexagonal em quarto lugar, com 11 pontos. O time da AMDH, de Adilson Heleno, foi o terceiro, e o Cruzeiro, o campeão com 28 pontos. O sub-20 foi vice, mas sem apresentar futebol convincente. Hugo e Roger são os que mais mostraram condições de promoção ao profissional.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Dom 6 Dez - 11:13

O América precisa ter criatividade e risco moderado na formação da equipe para disputar a Série A de 2016. A primeira grande dúvida é o momento de montar esse grupo. Disputar o Mineiro e a Sul-Minas-Rio, caso seja realizada, com um time formado pela maioria dos remanescentes pode representar economia financeira, com realocação dos recursos a fim de contratar jogadores para disputar o Brasileirão. Mas, em compensação, o tempo de preparação será menor. Também é preciso definir o perfil do elenco, que deve ser mesclado. Pratas da casa em processo de aprimoramento contínuo, jovens contratados com potencial de desenvolvimento, mais atletas vitoriosos e experientes, líderes dentro e fora de campo, acostumados a conquistar títulos em competições de alto nível. Hoje, Avacoelhada Sonora, das 14h às 19h30, no Matriz. Ingressos na portaria, R$ 10.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Ter 8 Dez - 11:02

O futebol da Onda Verde e os shows da Avacoelhada Sonora mantiveram o espírito esportivo, social e cultural da torcida americana no fim de semana. No sábado, no Lanna Drumond, quatro equipes formadas por sócios-torcedores, ex-jogadores, como Dudu Pitt Bull, e os presidentes Batista e Euler, ex-integrantes do time da Avacoelhada, campeão do torneio das torcidas de Belo Horizonte em 1997, participaram do evento esportivo. Com a tendência do aumento das adesões em 2016, a próxima confraternização poderia voltar a ser realizada no Independência. No domingo, Alexandre, André, Cássio, Claudão, Dimas, Francis, Malu Aires, Max Reygson, Rena Amado e Zé Arcanjo qualificaram a sonoridade no palco do Matriz Casa Cultural. O Coelhão mascote colaborou no agito da plateia, que chegou às 14h e só saiu às 20h porque o tempo estava estourado.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Qua 9 Dez - 11:32

Olímpio Naves, um dos idealizadores do Planeta América, ratificou a importância de investir nas categorias de base. O centro de excelência, que será construído no Lanna Drumond, vai melhorar a estrutura no processo de aprimoramento dos atletas em formação. Mas, enquanto a reestruturação do CT não acontece, pelo menos o gramado, onde são realizados os treinos do sub-20, deve estar constantemente próximo das condições ideais. O tempo ocioso dos profissionais não relacionados para os jogos, principalmente os sub-23, precisa ser mais bem aproveitado, por meio de coletivos com a participação dos juniores em times misturados, em vez de apenas atividades físicas. A escalação nos confrontos oficiais também carece ser mais bem programada, em vez de emergencial. Messias atrasou o estágio de desenvolvimento por ter jogado só uma vez em 2015.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Qui 10 Dez - 10:53

Lateral direita deve ser a posição prioritária nos reforços para a equipe de 2016. Robertinho não justificou a contratação. Walber só aumentou a produtividade quando jogou na função de ala, mas caiu de rendimento nos jogos decisivos. Caso continue no próximo ano, tem mais possibilidades de ser reserva do que titular. Patrick foi emprestado para Portugal. Marcelinho, quando subiu, entrou em um time desestruturado e teve poucas chances. Danylo, no sub-20, estacionou na evolução. Felipinho está no primeiro ano de júnior e talvez seja mais eficiente de meia-atacante. Embora Dopô seja opção de improvisação, o promissor segundo volante deveria se fixar no meio campo. Ainda assim, precisa de reforço muscular. Ceará foi especulado. Com salário dentro do orçamento americano, liderança e experiência são os prós; idade e preparo físico, os contras.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Sex 11 Dez - 13:47

Claudinei e Pablo tiveram boa fase no América, devido à competitividade, força de vontade e movimentação intensiva. São os típicos jogadores chamados de operários, carregadores de piano, motores do time. Claudinei se sobressaiu na função de camisa 5, marcador, em vez de volante, com capacidade de sair para o jogo, fazer assistências, finalizar e marcar gols. Pablo, na lateral ou no meio campo, jogou de uma área a outra. Muito voluntarioso, defendeu com mais eficiência do que atacou. Carecia melhorar o fundamento do passe e, principalmente, dos cruzamentos, quando buscava a linha de fundo. Com bastante comprometimento, determinação e bem preparados fisicamente, eles poderão ser proveitosos nas próximas competições. Leandro Guerreiro, Diego, David Silva, Renato Bruno, Dopô, Makton e Zé Ricardo são outras opções de primeiro e segundo volantes.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Sab 12 Dez - 11:17

João Ricardo, Fernando Leal, Wesley, Alison, Leandro Guerreiro e Tony provavelmente serão os remanescentes da equipe em 2016. Os outros contratados, que não foram titulares em 2015, deverão ser dispensados. Caso Adalberto seja o único zagueiro contratado, Anderson Conceição, que teve bom começo de temporada, mas caiu de rendimento quando o esquema mudou, também deveria continuar. Por enquanto, Adalberto, Alison, Messias, Roger e Wesley deverão ser opções para a zaga. Ainda há possibilidade de utilização de Leandro Guerreiro como líbero, no 3-5-2. Se Danilo permanecer, poderia ser escalado de quarto-zagueiro, porque tem pouca velocidade para jogar pelo lado. Lateral-direito, meia e atacante são posições com necessidade de reforços qualificados. Principalmente o camisa 10 precisa ter capacidade de chamar a responsabilidade.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Seg 14 Dez - 10:55

Crise econômica, Profut, fair play financeiro e trabalhista são fatores externos que indiretamente vão incentivar o maior aproveitamento das categorias de base pelos clubes. O Coelhão, essencialmente formador e revelador de talentos, antes de transformar fisicamente o Lanna Drumond em centro de excelência na formação dos pratas da casa, deve aprimorar o processo de promoção ao profissional. Michel, Makton, Matheuzinho e Richarlison são alguns atletas no primeiro estágio de transição. Vão acelerar o desenvolvimento porque foram promovidos antes de completarem 20 anos. Na segunda etapa, estão os sub-23, que ainda necessitam de planejamento diferenciado. Alguns jogadores dão resposta mais rápida em campo. Outros começam a maturidade depois dos 24 anos. Sub-15 e sub-17 terão melhores condições de trabalho no Planeta América.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Ter 15 Dez - 10:42

João Ricardo, Fernando Leal, Glaycon e Glauco serão os goleiros de 2016. Hugo, titular do Coelhãozinho campeão da Taça BH e convocado para a Copa de Seleções Estaduais sub-20, não teve o contrato renovado e se transferiu para o Caxias-RS. A escolha poderia ter sido entre Fernando Leal e Glaycon, com manutenção de Glauco e Hugo. Se Hugo não tivesse potencial para ser promovido, deveria ter sido substituído por outro mais promissor, mas Carlos, preparador de goleiros da base, e Milagres, treinador e ex-goleiro, confiaram nas qualidades de Hugo. Glauco, que subiu antes dos 20 anos, está há muito tempo sem jogar. Embora sejam de uma posição diferenciada, inclusive com demora no amadurecimento, Glaycon, de 27 anos, e Fernando Leal, de 34, passaram da fase de ser terceiro goleiro. Caso sejam equivalentes, a opção entre eles deveria ser pela mais econômica.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Qua 16 Dez - 10:59

Alencar foi eleito o dirigente do ano no Troféu Guará 2015. A eleição do presidente do conselho de administração representou o reconhecimento do trabalho executado pelos nove conselheiros administrativos. Embora haja compartilhamento nas análises e nas tomadas de decisões, Batista, na gerência patrimonial, e Euler, na gestão do futebol, são bastante elogiados pela produtividade no primeiro ano administrativo. Apesar de ainda existir a necessidade de aumentar a integração da base com o profissional na etapa de transição do sub-20, mais a criação de uma coordenação a fim de gerenciar o aprimoramento dos sub-23, a atual diretoria valorizou pratas da casa, buscou fazer mais com menos e só contratou dentro do orçamento. O empenho dos nove presidentes para superar os desafios de 2016 deve ser bem maior. Até com metas individuais de desempenho.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Qui 17 Dez - 10:57

Wesley e Anderson formaram a zaga durante o Mineiro e na maior parte do turno do Brasileirão. Apesar de Anderson ter sido considerado por muitos torcedores o mais eficiente, ele perdeu a posição para Alison, que passou a ser o parceiro de Wesley. No returno, depois das derrotas em casa para Luverdense e Bragantino, o esquema foi mudado contra o Sampaio Corrêa. Anderson reconquistou a titularidade com a utilização do 3-5-2. Mas nas três formações os zagueiros falharam nas bolas aéreas e pelo chão. João Ricardo precisou fazer defesas salvadoras em várias partidas. Wesley compensou erros de posicionamento e baixa velocidade de recomposição defensiva, com bastante comprometimento, dedicação aos treinamentos e determinação nos jogos. Manteve a regularidade, marcou gols decisivos e alcançou a melhor fase profissional.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Sex 18 Dez - 13:58

Claudinei, Danilo, Rafael Bastos e Pablo são reforços vindos de clubes que disputaram a Série A em 2015. Adalberto, Ernandes e Maranhão participaram de outros campeonatos. Devem ser as primeiras contratações para o Mineiro e a Sul-Minas-Rio, se for realizada. Existem ainda os experientes Alison, Leandro Guerreiro e Tony. Apesar de o melhor currículo da equipe deste ano ter sido o do Mancini, o veterano jogador perdeu a titularidade para Toscano, que veio da segunda divisão paulista e aos 30 anos teve o melhor momento profissional. Mesmo assim, para disputar a primeira divisão, faltam jogadores mais conhecidos e qualificados, acostumados a conquistar títulos em competições de alto nível. Mas esse jogador com histórico vitorioso, dentro do orçamento americano e que não seja “ex-atleta em atividade” é bastante difícil de ser encontrado.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Sab 19 Dez - 13:12

Os sub-23 Patrick Allan, Matheuzinho, Renatinho e Xavier devem ser os meio-campistas ofensivos da equipe, que vai disputar a Copa do Brasil, Mineiro e Sul-Minas-Rio. Embora Xavier tenha jogado a Série B improvisado de ala, foi cobrado por parte da torcida como estivesse jogando de lateral. Meia de ligação, canhoto e versátil, tem total capacidade para disputar a titularidade em qualquer posição do meio-campo, até segundo volante. Matheuzinho e Renatinho são os típicos camisa 10 artilheiros: Habilidosos, dinâmicos, articuladores e finalizadores. Patrick Allan joga pelos lados, centralizado ou de segundo atacante Com o aproveitamento nas primeiras competições da próxima temporada, estarão mais bem preparados para disputar o Brasileirão, aumentando as possibilidades de retorno técnico dentro de campo e financeiro nas futuras negociações.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Seg 21 Dez - 1:24

O marketing do América deve ser mais eficiente na captação de recursos financeiros. Apesar da distribuição dos escudos de papelão, a participação do mascote e a utilização do bandeirão na arquibancada durante os jogos serem promoções válidas, que divulgaram a marca americana, ainda falta o algo a mais em termos de obtenção de investimentos para serem utilizados diretamente no futebol. Além de estimular o aumento do número de sócios torcedores, a Onda Verde, é preciso conseguir patrocinadores a fim de ampliar as possibilidades de contratação de jogadores mais qualificados para disputar competições de alto nível. Na Sul-Minas-Rio e na Série A do Brasileirão, a exposição do Coelhão na mídia será maior porque enfrentará clubes de grandes torcidas. O futebol feminino, que também precisa de patrocinadores, disputará o Brasileiro em janeiro.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Ter 22 Dez - 10:48

A escolha do Ronaldo Fraga para desenhar os uniformes do Coelhão repercutiu fora dos noticiários esportivos. Pedro Diniz, jornalista que escreve sobre moda para a “Folha de S. Paulo”, divulgou os novos desenhos. Fernanda Takai comentou que o América será um time elegante. Érika Machado citou que ficará mais chique para disputar a Primeira Divisão. É bom destacar que o renomado estilista mineiro é um artista inovador, um inventor de moda. Apesar de Ronaldo Fraga ter sido bastante criativo no esboço das novas camisas, muitos americanos criticaram, principalmente a inclusão da cor laranja e a redução do verde. Talvez na elaboração do projeto tenha faltado consulta aos historiadores Carlos Paiva e Marinho Monteiro, que também é colecionador. Ou uma reunião com torcedores para debater o assunto, igual à feita com Olimpio Naves há mais tempo.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Qua 23 Dez - 11:58

Adalberto, 28 anos, e Sueliton, 24, são os zagueiros contratados para a temporada de 2016. Os responsáveis pelas contratações devem ter avaliado as possibilidades de ascensão profissional dos jogadores, mas o acerto ocorrido na contratação do Toscano dificilmente será repetido. Ainda assim, os novos contratados necessitam ser mais qualificados que Wesley e Alison. Vale à pena evidenciar que durante a Série B o esquema precisou ser mudado para 3-5-2, porque as duplas utilizadas na zaga, inclusive Wesley e Alison, nas derrotas para Bragantino e Luverdense dentro de casa, foram ineficientes na marcação. João Ricardo foi o melhor defensor da equipe e um dos principais responsáveis pelo acesso do América. Wesley se destacou mais pela voluntariedade do que habilidade. Os promissores Messias e Roger são opções de retorno técnico e financeiro.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Qui 24 Dez - 10:39

Se os participantes da Primeira Liga disputarem a competição com jogadores sub-23, o América literalmente terá uma base forte, vitoriosa e acostumada a conquistar título. A grande maioria dos atuais sub-23 americanos participou da conquista da Taça BH sub-20, quando o Coelhãozinho, com requintes de crueldade, venceu o Galinho por 3 a 2. Teve até gol equivocadamente anulado, chances de ter goleado, e Patrick deixou o zagueiro adversário deitado no terceiro gol. Um dos ausentes seria Hugo Miller, que foi para o Caxias-RS. Marcelinho, Danylo, Messias, Roger, Bryan e Carlos Renato seriam as opções defensivas. No meio campo, os volantes Diego, Dopô, Paulinho e Renato Bruno, e os meias Patrick, Renatinho e Xavier. No ataque, Bruno Sávio, Richarlison e Rubens. Ainda Makton, Matheuzinho, Michel e Zé Ricardo. Feliz Natal a todas as torcidas.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Seg 28 Dez - 0:12

Os erros do setor defensivo resultaram nas defesas salvadoras do João Ricardo, um dos principais destaques do Coelhão. Wesley, Alison e Anderson falharam na cobertura dos laterais, nas bolas aéreas e pelo chão. Wesley se destacou pela voluntariedade, comprometimento e profissionalismo. Embora pudesse ser importante para integrar a equipe de 2016, o time titular a fim de disputar a Série A precisa de zagueiros mais qualificados, inclusive mais que o Alison. Os promissores Messias e Roger são opções de retorno técnico e financeiro. Adalberto e Sueliton são os zagueiros contratados para a próxima temporada. Os responsáveis pelas contratações devem ter avaliado as possibilidades de ascensão profissional, mas por prevenção será necessário contratar para cada setor, pelo menos um jogador experiente, acostumado a disputar a primeira divisão.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Seg 28 Dez - 0:13

Apesar da maioria dos promovidos começar a consolidar a carreira a partir dos 23 anos, Richarslison foi exceção. No primeiro passo da transição, subiu ao profissional antes de completar 20 anos. Privilegiado fisicamente buscou o sucesso com bastante obstinação. Incorporou o espírito vencedor de que a dor faz parte do uniforme dos atletas, que disputam competições de alto rendimento. Ainda assim, vai passar pelo processo natural de oscilação dos sub-23. Jogador da base bem negociado está mais próximo de ser solução do que problema. O grande erro é quando os promissores pratas da casa, que precisam ser trabalhados na equipe principal, perdem espaço para contratados, pouco qualificados, e que nada acrescentam. Se Cristiano tivesse marcado mais gols na Série B, provavelmente Richarlison não teria sido promovido para disputar o Brasileirão.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Ter 29 Dez - 11:01

Toscano foi o contratado do ano que mais se destacou em 2015. Alison, Anderson, Tony e Wesley oscilaram bons e maus momentos. Walber e Pablo tiveram importantes participações nas rodadas finais do Brasileirão. Felipe Amorim teve a melhor fase no Mineiro, quando Bruno Sávio, Renatinho e Rubens foram titulares, mas caiu de produção no Brasileiro. Rodrigo Souza ficou ausente em muitos jogos devido a contusões e cartões. Cristiano, Lorenzi, Henrique Santos, Paulinho Silva, Pedrinho, Raul, Robertinho, Rodrigo Silva e Willie acrescentaram muito pouco ou quase nada. Entre os remanescentes, André, Diney e Henrique não justificaram a continuação; Mancini perdeu a titularidade; Thiago Santos evoluiu no segundo ano de contrato e deu retorno financeiro ao clube; João Ricardo e Leandro Guerreiro também fizeram parte dos destaques da equipe.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Qua 30 Dez - 11:31

Um dos melhores jogos do Coelhão na Série B foi a goleada sobre o Vitória, por 4 a 0. Pablo, Richarlison e Toscano formaram o dinâmico trio ofensivo naquele jogo. Embora tenha errado os complementos das jogadas em outras partidas, Pablo teve participações especiais em gols marcados. Richarlison, no primeiro ano profissional, foi a revelação do campeonato. Apesar dos 30 anos, Toscano também só se destacou nacionalmente no Brasileirão de 2015. Pablo voltou valorizado para o Atlético, Richarlison foi para o Fluminense, e Toscano vai jogar na Coreia. Os três jogadores de frente deram retorno técnico e colaboraram com a equipe na conquista do acesso, mas só Richarlison gerou lucro financeiro em termos individuais. Essa garantia financeira deve ser negociada nas contratações por meio de taxa de vitrine ou direito a percentual ou outro reembolso.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Qui 31 Dez - 10:57

No programa “Redação SporTV”, Jorge Luiz Rodrigues destacou que o América está trabalhando muito a base, ao contrário de grandes clubes que estão investindo cada vez menos nessa categoria. Segundo Paulo César Vasconcelos, o aprimoramento de promissores jogadores em formação iguais ao Richarlison dependerá de um eficiente trabalho de entorno e boas orientações dos envolvidos, até do treinador. Aliás, o diferencial competitivo americano é justamente o complemento bem sucedido do ciclo do atleta formado nas categorias de base. Quanto mais jogadores forem promovidos, aprimorados, aproveitados no profissional e bem negociados, mais o América ficará estruturado, com mais condições para qualificar as contratações pontuais e disputar qualquer competição a fim de brigar pelo título. Que 2016 seja sensacional, com o Coelhão avacoelhando geral.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Sab 2 Jan - 13:22

Copa São Paulo Sub-20, Brasileiro feminino, Primeira Liga, Mineiro, Copa do Brasil e Brasileirão da Série A serão os próximos desafios do América. O ideal deveria ser sempre brigar pelo título, em toda competição que for disputada, mas, na maioria das vezes, as condições adversas ainda são maiores que as favoráveis. Nas categorias de base, o principal objetivo deve ser minimizar a incompletude do atleta em formação, a fim de aproveitá-lo mais rapidamente no profissional. O feminino está nos primeiros passos de evolução. Falta maior participação do América no suporte, na análise e nas tomadas de decisões. Apesar do período sem títulos no Mineiro e da visibilidade da Primeira Liga, as novidades da Coelhãozinho sub-20 e os sub-23 necessitam ter mais oportunidades nessas competições. A Copa do Brasil precisa ser valorizada como a Série A.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Dom 3 Jan - 0:47

Na primeira rodada da Copa São Paulo, América e São Caetano se enfrentam, às 16h, no estádio da Rua Javari. Apesar da ausência de Makton por contusão, grande parte da equipe veio do Sub-17. Do mesmo modo do Makton, que jogou de zagueiro e volante, outros jogadores também atuaram em mais de uma posição no juvenil. Diego atuou de zagueiro e lateral-esquerdo. Felipinho, Higor e Marcinho jogaram de lateral e meia-atacante. Michel jogou de lateral-esquerdo e meia-esquerda. Pouca criatividade, sem Matheuzinho convocado para a seleção brasileira, e ineficiência dos atacantes, sem Richarlison, foram as principais deficiências do sub-20 em 2015. Jori vai assumir a titularidade no gol. Euler, Zé Ricardo, Renan e Matheuzinho devem formar o meio-campo. Emiliano é opção para aumentar o poder de criação. Gledson provavelmente será um dos atacantes.

avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Marco Antônio em Ter 5 Jan - 11:11

A equipe americana deve ser formada basicamente por atletas com paixão por vencer: Pratas da casa a fim de serem revelados ou buscar o começo da consolidação na carreira para dar retorno técnico e financeiro, mais jogadores com objetivo do reconhecimento nacional e ascensão profissional. Leandro Guerreiro será um dos principais líderes dentro e fora de campo. Mas entre os escolhidos para disputar as próximas competições, principalmente a primeira divisão, é preciso ter jogadores diferenciados, com capacidade de chamar a responsabilidade para ser a referência do time, comandar o ritmo das partidas, e com poder de decisão e repertório variado impor respeito nos adversários. Na Copa São Paulo Sub-20, Matheuzinho fez a diferença na goleada sobre o São Caetano. Pela segunda rodada, Coelhãozinho e Pérolas Negras do Haiti se enfrentam às 16h.
avatar
Marco Antônio

Mensagens : 842
Data de inscrição : 05/08/2014
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://www.avacoelhada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Voz da Arquibancada

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 17 de 32 Anterior  1 ... 10 ... 16, 17, 18 ... 24 ... 32  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum